Oficina de Cinema Ambiental Onda Verde segue com aulas de produção

Atenta em suprir a escassez de empresas do setor audiovisual na Baixada Fluminense, a Entidade Ambientalista Onda Verde localizada no Tinguá segue com a sua primeira oficina de cinema. Até julho, vai oferecer a oportunidade para 50 jovens moradores da região com idade entre 17 e 29 anos mergulharem no segmento audiovisual com foco em educação ambiental. 

Com essa iniciativa temas como o monitoramento de água, reciclagem de resíduos sólidos e sustentabilidade entre outros tão centrais na Agenda do Clima, estarão na pauta até o fim da oficina, quando será realizada uma mostra com a participação de quatro curtas metragens produzidos pelos próprios alunos. Os roteiros selecionados começarão a ser trabalhados esse mês nas aulas de produção cinematográfica com a gestora cultural Rebeca Brandão.

FOTO Thalita Pereira

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.