Nova Iguaçu: comerciantes esperam reabrir lojas a partir da próxima semana

Entidades representativas do comércio de Nova Iguaçu elaboraram um plano de flexibilização que prevê a reabertura gradual das lojas a partir do dia 1º de junho. O plano, enviado ao prefeito de Nova Iguaçu Rogerio Lisboa há quase um mês, propõe uma flexibilização setorial e gradual, assumindo níveis e critérios máximos na prevenção ao contágio respeitando um Termo de Ajuste de Conduta (TAC) com critérios de prevenção.

Segundo a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), a Prefeitura de Nova Iguaçu, através da Secretaria Municipal de Segurança Pública, está estudando a possibilidade de implantação nos mesmos moldes do que já foi feito no Polo de Auto Peças e Mecânicas que funciona na Avenida Nilo Peçanha, no Centro da cidade.

“Já estão sendo estudadas diversas planilhas de atividades setoriais, onde os principais critérios são os de essencialidade. Como ainda estamos na fase de estudos do impacto de risco a novos contágios em relação aos setores econômicos, estamos aguardando uma posição final da Prefeitura”, destacou Claudio Rosemberg, presidente da entidade.

A expectativa é de que com a abertura do hospital de campanha do Governo do Estado, em Nova Iguaçu, e consequente aumento do número de leitos disponíveis para tratamento de pacientes com covid-19, a Prefeitura divulgue um cronograma para reabertura gradual do comércio. A inauguração da unidade está prevista para acontecer ainda esta semana.

“O planejamento já foi levado ao prefeito, e até quarta feira desta semana será apreciado pelas instituições representativas do comércio da cidade. Após isto seguirá para publicação de todo o cronograma de abertura com datas específicas para cada setor econômico que passará a vigorar a partir de 1º de junho”, destacou ele.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.