Projeto social da Baixada Fluminense  encerra 2020 com saldo positivo

Em Duque de Caxias, 215 estudantes, de 9 a 14 anos, da Escola Municipal Campos Elíseos, do CIEP Municipalizado 318 Paulo Mendes Campos e do CIEP Brizolão 229 Candido Portinari concluíram as atividades do Projeto Centro de Esporte e Educação (CEE) em 2020. A iniciativa é resultado de um convênio entre a Firjan SESI e a Petrobras, em vigor desde 2018, que conta ainda com a parceria da Prefeitura local e da Secretaria de Estado de Educação.

Em meados de março, por conta do novo coronavírus, houve a suspensão das atividades presencias. Logo em abril, no entanto, o projeto retomou os trabalhos, porém de forma remota, justamente para contribuir com a adaptação ao período de isolamento social. Por meio de tarefas via aplicativo de mensagens instantâneas e nas redes sociais, foram ofertados às crianças, jovens e familiares orientações, informações, reflexões e conteúdos múltiplos que ajudaram na nova rotina.

A entrega de cestas básicas foi uma solução encontrada pelo projeto para reforçar o suporte socioeconômico aos grupos de maior vulnerabilidade social durante a pandemia. Desde agosto, foram realizadas quatro entregas mensais aos alunos e suas famílias. Outra ação foi a distribuição de apostilas impressas com conteúdos relacionados às seis oficinais culturais, esportivas e de educação ambiental ofertadas pelo CEE para o contraturno escolar.

 O aposentado Cláudio Soares da Silva, morador do bairro Campos Elíseos, tem dois filhos participantes. Segundo ele, os jovens se sentem cada vez mais estimulados a estudar. “O projeto evitou a presença desnecessária das crianças na rua. Com isso, passaram a estudar mais, a tirar melhores notas, a interagir melhor com os professores.”, disse. Já o estudante Gabriel Vianna, filho mais novo de Cláudio, explica que o interesse pelo projeto surgiu ao notar a satisfação e o desempenho do irmão mais velho nas atividades. “Gosto muito dos professores, dos passeios, dos lanches, de todas as atividades do projeto. Quero que ele volte em 2021”, defendeu.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.