Saúde Mental promove encontro para alinhar  o fluxo de atendimento a criança e adolescente

A Prefeitura de Belford Roxo, através da Secretaria Executiva de Políticas em Saúde Mental, realizou um encontro nesta quinta-feira (17/06) com o Centro de Atenção Psicossocial a Criança e Adolescente (Capsi), a Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (DEAM), a Policlínica Especializada de Atendimento a Crianças e Adolescente (Peaca), Conselho Tutelar II e a rede ambulatorial de saúde mental para alinhar o fluxo de atendimento da criança e adolescente vítimas de violência. No primeiro momento aconteceu a apresentação da proposta, em seguida apresentação e orientação sobre a rotina de cada órgão representado e finalizaram com o diagnóstico das informações.  

 O secretário executivo de Políticas em Saúde Mental, Paulo Patrocínio, destacou que o objetivo do encontro é unir a rede intersetorial no intuito de garantir um bom atendimento às crianças e adolescentes. “Neste primeiro momento vamos colher as informações e a partir daí entrelaçar. Caso ocorra algum sinal de violência a esse grupo, os serviços estarão linkados para que tenham atendimento e amparo para que esse dano não traga consequências na vida adulta”, explicou.  

Ainda segundo Paulo, os casos de violência aumentaram durante a pandemia. “Teremos outros encontros para organizar essa rede que também cuida das famílias com uma terapia para oferecer autonomia às crianças e adolescentes”, acrescentou Paulo ao lado da diretora administrativa do capsi, Hanna Nazário. Os equipamentos sociais funcionam de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h com oficinas que trabalham a comorbidade do grupo.  

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.