Moradores de Saudades, em Santa Catarina,  são lembrados por vereadores de Nova Iguaçu

Os vereadores de Nova Iguaçu iniciaram a sessão desta terça-feira (11) lamentando a morte das três crianças e das duas professoras, vítimas do ataque a uma creche, na cidade de Saudades, em Santa Catarina, no último dia 4 de maio. “Peço um minuto de silêncio em memória das almas de Keli, Mirla, Sarah, Murilo e Anna. Que Deus possa confortar o coração dos seus familiares. É muito triste constatar o grau de loucura que pode dominar um ser humano. Este caso é um absurdo. Vamos orar ainda mais para que nossa sociedade se livre de acontecimentos como este”, afirmou o presidente da Câmara, Eduardo Reina Gomes de Oliveira, Dudu Reina.

Cumprindo todas as normas de segurança sanitária, o uso da máscara e o distanciamento social foram respeitados pelos vereadores e o público. Dois projetos de autoria do vereador Mauricio Morais foram aprovados em segunda votação: o Instituto Salvando Vidas Terra Prometida, localizado no bairro Cabuçu, e o Instituto Cria Replantando Valores, que fica no bairro Três Corações, foram reconhecidos como de Utilidade Pública pelo trabalho social de relevância que realizam. Mauricio agradeceu a seus pares a unanimidade da aprovação.

Foram lidos no expediente,, e encaminhados para receber parecer das Comissões Permanentes projeto de lei, do presidente Dudu Reina, que concede a Medalha de Mérito Comendador Soares ao senhor Mario Henrique da Conceição Vieira, e outro projeto, do vereador Carlinhos BNH, que obriga a Cedae a repor a pavimentação nas vias e passeios públicos ao final da realização de obras.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.