Comitê Guandu-RJ participa do 23°  Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos

Começou na segunda-feira (25) e vai até quinta-feira (28), em Foz do Iguaçu/PR, a vigésima terceira edição do Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos. Realizado pela Associação Brasileira de Recursos Hídricos (ABRHidro), o evento tem cerca de 1500 inscritos entre representantes de comitês de bacia e da comunidade acadêmica, científica e agentes públicos e privados que atuam com recursos hídricos. Com o tema “Água Conecta”, o simpósio objetiva debater e apresentar os avanços relacionados a água, em seus usos, preservação e conservação. Nelson Reis, diretor do Comitê Guandu-RJ, está representando o colegiado no evento.

A cerimônia de abertura ocorreu na noite desta segunda-feira (25) e contou com a participação do Ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto; da presidente da Agência Nacional de Águas, Christianne Dias; do diretor-geral brasileiro de Itaipu, general Joaquim Silva e Luna; e do presidente honorário do Conselho Mundial de Águas e diretor presidente da Sabesp, Benedito Braga Júnior – entre outras autoridades. Durante a abertura, o ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto, defendeu um novo Plano Nacional de Recursos Hídricos (PNRH) que seja tecnicamente viável, sem utopias, e em condições de ser aplicado dentro do prazo de vigência previsto, de 2021 a 2040. O plano está em elaboração pelo Ministério do Desenvolvimento Regional e Agência Nacional das Águas (ANA), com participação da sociedade civil.

Com o tema “Água Conecta”, evento pretende mostrar a relação da água com a vida, saúde e produção

Os comitês de bacia, órgãos responsáveis pela gestão e resolução de conflitos em primeira instância nas regiões hidrográficas e também pela elaboração e implementação dos Planos de Recursos Hídricos, são vitais e estratégicos para esse planejamento. O Comitê Guandu-RJ se destaca quando o assunto é planejamento. Além de ter um Plano de Recursos Hídricos recém atualizado, baseado em técnica e participação social, é o terceiro do país a ter um manual operativo do plano, para que todo planejamento seja colocado em prática. Um grupo de acompanhamento trata dessa implementação que é depois externado ao comitê e toda sociedade. O caso tem sido exemplo em debates sobre planejamento de recursos hídricos em todo país. Nelson Reis, diretor do Comitê Guandu-RJ, participará da programação dos quatro dias do evento, levando essas experiências positivas e trazendo ao colegiado os conhecimentos por lá compartilhados: “podemos conhecer trabalhos científicos na área de educação ambiental, gestão de recursos hídricos e outras temáticas de extrema relevância. O evento é importante por permitir interações e trocas de experiências com diversos atores que atuam na gestão de recursos hídricos. Trazemos informações e saímos ainda mais enriquecidos. Com certeza poder levar o aprendizado que estamos compartilhando aqui em Foz do Iguaçu para o nosso colegiado no Rio de Janeiro, é um ganho”.

Nesta edição, o tema “Água Conecta” vai mostrar a relação da água com organizações, culturas e povos, ciência, tecnologia e inovação, conhecimento e mercado, saúde pública e ambiental, além de qualidade de vida, entre outros. Além do parque de exposição com estandes de organizações públicas e privadas, a programação prevê reuniões técnicas, mesas de diálogos, palestras, visitas técnicas, lançamento de livros, projetos, cursos e uma edição do prêmio jovem cientista.

1 thought on “Comitê Guandu-RJ participa do 23° Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos

  1. O evento contou com uma forte presença de jovens das mais variadas cidades brasileiras e também do Paraguay e Argentina.
    Muitos trabalhos científicos foram apresentados sobre os mais variados temas voltados ás águas.
    Onde foi possível fizemos transmissões ao vivo que estão disponibilizadas em http://www.facebook.com/rederiosrj

Leave comment

Your email address will not be published. Required fields are marked with *.